Pages

quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

A religião promove a paz?




   Pela religião alguns chegam até dar a vida, na verdade esses individos não são religiosos,mas sim fanáticos que não conhecem os ensinamentos de sua crença, pois nenhuma religião prega a guerra e o derramamento de sangue inocente ou não.

   O mundo hoje vive dividido em crenças e religiões, estes creres trazem sem querer conflitos a sociedade.
 A religião é um fator muito importante na vida do ser humano. Mas o pensamento carnal quer estar a frente até dos "pensamentos divinos".
  "O ódio sagrado" que assola tanto a sociedade nos da a entender que são religiosos que não se contentam com aquilo que sua crença oferece, pois o que estamos vendo não são religiosos, mas sim fanáticos querendo criar religiões sangrentas que pregam a violência aos outros creres.
   Mas afinal, a religião promove a paz? Talvez o mundo que esta colocando a religião como um bicho de sete cabeças. Na verdade não podemos esquecer que a religião é obra dos homens, por mais que ela se diga sagrada.
  As religiões em si não pregão as guerras, todas elas selam e pregam pela paz. Mas quem segue estas religiões mostram e nos faz perceber que a mentes fracas dentro delas. Mas não devemos levar em conta as mentes fracas, porque delas só saem blasfêmias.
  Com toda certeza prezo e afirmo que a religião em si não prega o mal, mas sim a fraternidade e a união entre os individos, trazendo assim o ecumenismo e o dialogo.

Lucas de Almeida Moraes

Um comentário:

  1. não devemos realmente ver a religião como fonte de guerras, mas sim como fonte de esperança de um mundo melhor!

    ResponderExcluir