Pages

terça-feira, 26 de abril de 2011

As nossas palavras

  Amados, venho neste texto ajudar a todos nós e inclusive eu mesmo a pensar em nossos atos, mas acima de tudo as nossas palavras. Que palavras você tem usado ao seu próximo? Elas tem o poder de confortar, de perdoar, ensinar e respeitar, assim como ela também tem o terrível poder para condenar, magoar, humilhar, escandalizar e destruir a imagem humana.
  Você tem usado boas palavras para com seu próximo? Já nos diz a própria bíblia que é manual no homem:

  "Não permita que a sua boca o faça pecar"
  Eclesiastes 5, 6

  A boca é a porta para de saída de vários dos nossos desentendimentos, pois ela é a causadora da maioria dos conflitos do mundo pelo desentendimento e a discórdia, e lhes digo mais, há mais bocas encardidas do que santas, na verdade nenhuma boca é santa, mas toda a boca que proclama que Deus é o Senhor eu lhes digo que é santa, pois não sou eu quem digo, pois sim o Deus de vocês e meu também.
  As palavras machucam e também curam, mas e você, você tem errado com suas palavras? Para o bem ou para o mal? Assim como as palavras condenam elas também podem perdoar e pedir perdão!
Seja prudente em tuas palavras!
Meus queridos, a palavra tem um poder muito forte, nós cristãos somos movidos por ela, Cristo quando veio ao mundo as usou para chegar até nós e tocar o nosso coração, e nos autorizou de tomar posse dela, nos deixou tomar posse desta palavra tão forte que vem do céu. Assim como Jesus deu a ordem aos discípulos usarem as palavras de vida eterna, ele também nos pede este feito para remir toda a humanidade das coisas do mal e de toda obra maligna.

  "Então, os discípulos saíram e pregaram por toda a parte, e o Senhor cooperava com eles, confirmando-lhes a palavra com os sinais que a acompanhavam"
  Marcos 16, 20

  Cristo, por meio das palavras fundou o seu ministério que é firme como rocha e instrumento de salvação que é a igreja. As palavras convertem vidas, e vidas para Deus.
  A prática das boas palavras deve ser espalhada, e ensinar aos outros a pensar antes de usar tais palavras também deve ser ensinado, pois como eu já dizia a boca é a porta da destruição, mas também por mandamento de Deus a boca também é porta para a salvação.

  "Pense as suas palavras com cuidado!"

  "Pois por suas palavras vocês serão absolvidos, e por suas palavras serão condenados"
  Mateus 12, 37

  Não sou eu quem fala mas o Deus que fez o céu e o mar, pois é Ele quem ordena e fala também pelas minhas palavras que são baseadas não somente na verdade teológica mais de toda a vivência humana e divina em contato com o próprio Deus.
  Queridos, nós iremos ser julgados no grande juízo final pelas nossas palavras e também por toda a nossa vivência pecadora, por isso eu lhes digo: cuidado com a vossa boca, pois não deixe que a sua língua humana e errônea o condene.
  Por suas palavras seja pregada a boa nova que é Deus e seu Filho, e que por elas a misericórdia e o perdão de Deus os alcance, pois quem tem boas palavras pratica e dá exemplo de salvação.

  "Que pela sua boca não só você fale, mas também Deus, como instrumento de salvação."

  Lucas de Almeida Moraes.
Que nossas palavras não se tornem caso de juízo e muito menos condenação,
 mas a nossa porta para o contato com Deus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário