Pages

segunda-feira, 9 de maio de 2011

A denuncia

    No domingo, dia 8 de Maio de 2011, dia das mães, uma reportagem foi apresentada no programa da rede Globo de televisão "Fantástico", um fato que particularmente me deixou indignado, a qualidade da merenda escolar no Brasil.
    Vocês agora devem estar se perguntando: Porque um blog que fala da igreja está falando sobre a merenda escolar?
   Simplesmente pelo fato que a igreja tem a obrigação e o direito de denunciar maus tratos a todos os seres, pois negar alimento de qualidade é sem duvida maus tratos com crianças, que são filhos de pais que pagam impostos a legislação, e ainda tende a encarar uma barbaridade e falta de vergonha na cara de certos homens, que pensam que só porque usam uma gravata no pescoço são os donos do mundo.
É um direito constitucional!
   Ainda temos que ver nas telas dos nossos televisores, políticos dizendo que temos que acabar com a fome e a miséria. Realmente temos sim, mas não se acaba com a fome e nem a miséria ajudando o mais pobre e deixando de lado os que são um pouco mais favorecidos! A igualdade é que vai acabar com a fome e a miséria, não somente nesta nação que insiste em dizer: meus companheiros e minhas companheiras, mas todo o mundo!
   Muitas crianças que necessitam de alimento porque são carentes, vão a escola muitas vezes para se alimentar, e temos que nos deparar a lamentável cena de um prato que mais parece uma porção de gororoba que irá ser colocada aos porcos.

   "São crianças, e não porcos!"

   Uma coisa liga a outra. Se não é oferecida uma alimentação de qualidade a uma criança, ela irá necessitar de cuidados médicos, e convenhamos, a saúde publica neste pais é lamentável! Na verdade a maioria dos programas do governo que a alta cúpula governamental chama de "beneficiários e assistenciais" são uma catástrofe, um desgosto atras do outro, poucos são os que prestam!
   A igreja tem olhos meus queridos, e ela denuncia sim, calada ela não fica, pois a sua boca é humana, mas inspirada na palavra de Deus, que prega a justiça e igualdade para todos.
   Lembro a vocês que o direito de se alimentar com dignidade está incluído no estatuto dos direitos humanos, que os próprios poderosos nos impõem. Mas são coisas que se resumem a papeis e mais papeis, mas a prática não existe e nada é feito para o bem do povo, nada se concretiza. E as vezes quem nos impõem este direito, é quem também nos tira o direito! Enquanto quem impõem e tem o poder nas mãos come caviar, outros comem comida que mais parece uma gororoba para porcos!
As crianças merecem isto senhores políticos?
   O mundo viveu, vive e pelo andar da carroça sempre será assim, um muito rico e o outro muito pobre, é uma balança de desrespeito a vida, pois a pobreza desintegra a figura humana, desonra um pai e uma mãe. Mas ao mesmo tempo da tristeza vem também uma alegria, pois Cristo se pronunciou como rei dos pobres, e por eles se fará justiça! Você consegue crer nisso?

   "Dos pobres brotará a justiça!"

   Queridos, uma criança carente não tem bom rendimento escolar pelo fato de sentir fome no momento da aula, e por isso não presta a devida atenção. A refeição na escola é um direito instituído pela própria constituição federal, e sinto dizer que esta constituição está sendo infame, mentirosa, e ainda por cima está indo contra a sua própria palavra, que gera a injustiça, e assim sempre irá existir este erro cômodo e eterno, que tem a coragem de se alto chamar institucional.
   Paulo diz em sua carta a Tito:

    "Evite porém, controvérsias, genealogias, discussões e contendas a respeito da lei, porque essas coisas são inúteis e sem valor"
    Tito 3, 9

    Infelizmente esta parte das sagradas escrituras está difícil de ser seguida, tempos são outros, porque vivemos da lei, e se não denunciarmos estamos perdidos!
    Queridos é uma causa de dignidade e não por uma revolução sangrenta, Cristo convenceu pelas palavras, e é assim que vamos conseguir os nossos direitos! E não se esqueçam que dos olhos de Deus não se esconde nada. Se há injustiça, a justiça de Deus será feita! Você acredita nisso?

Lucas de Almeida Moraes
Todos os seres tem o direito de se alimentar com dignidade!

2 comentários:

  1. O governo repassa milhões de dinheiro para verba da alimentação das crianças pra um bando de ordinários, que jamais precisaram se preocupar com comida na casa deles, tomarem o que é de uma criança, que não tem o que comer em casa, o que é direito dela. Essas pessoas não tem um pingo de moral e dignidade na alma; são o tipo de lixo social mais desprezível que a raça humana acha que tem que aturar. Devem ir para a cadeia e apodrecerem, comendo a fétida refeição que mal existe nessas instituições.

    ResponderExcluir
  2. Concordo, se a justiça humana não se cumprir, Deus espera certas pessoas com uma passagem só de ida para vocês sabem onde!

    ResponderExcluir