Pages

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

O homossexualismo e a família.

    Hoje quero responder a um comentário que fizeram no texto passado “O ataque a família que Deus criou!” onde eu apontei vários atos que de certa maneira agridem o verdadeiro e sincero sentido de família na sua formação como corpo educacional e de estrutura do ser humano.
     Primeiramente quero dizer que não tenho preconceito contra homossexuais, pois eles também estão ligados a misericórdia de Deus, e faz parte da criação como eu também faço, por isso compartilhamos da mesma natureza. Na verdade dividisse o homossexual em dois aspectos: a pessoa e o homossexualismo, ou seja, ame a pessoa porque ela é meu próximo e imagem e semelhança de Deus, mas abomino o homossexualismo pela sua finalidade que corrompe e vai contra os decretos divinos, ou seja, a instituição que é a família. O maior dom de uma família é a vida, e convenhamos que dois homens e duas mulheres não geram vidas.
     O inimigo maior da sociedade que abrange como um todo a família no caso da homossexualidade não é o homossexualismo em si, mas sim a ideologia gay, que quer exterminar os valores e os conceitos no qual a nossa sociedade foi formada e constituída. Um exemplo é que agora em vários países que se jugam cristãos pessoas do mesmo sexo podem se casar sobre os olhos da justiça, ou seja, uma agressão contra a família e o verdadeiro matrimonio.
      A finalidade é: ame a pessoa homossexual, mas não aceite o homossexualismo. Respeite a pessoa e sua escolha, mas não tome para si o que ela segue. Devem ser acolhidos com respeito, compaixão e delicadeza, mas também devemos acolhe-los com o intuito da conversão.  

“As pessoas homossexuais são chamadas a castidade. Já a cultura gay ofende a dignidade do matrimonio e da família!”

     Entenda e saibam separar as coisas. A igreja ama verdadeiramente o homossexual, mas não aceita o que ele vive. A igreja nunca poderá fechar as portas para alguém com tendências homossexuais, pois assim ela perde o seu objetivo de salvação de todas as criaturas. A igreja deve acolhe-los em seu meio e oferecer a palavra de vida eterna.
      Já na questão da adoção de uma criança por um casal homossexual já mexe com toda uma estrutura psicológica que também chega a agredir a família. Uma criança realmente precisa de afeto, amor e carinho, e um casal homossexual pede até atribuir estes fatores básicos ao menor, mas o problema é a estrutura e a educação “familiar” que esta criança ira receber desse “casal”.
       Um ser que tem dois pais ou duas mães ira ser educado em uma ideologia puramente gay, ou seja, ira ser ensinado que o homossexualismo é um ato a ser deparado com a mais perfeita normalidade, ou seja, uma criança que ira ser uma testemunha do futuro defendera e será a favor da união homo afetiva, pois foi educada por ela, e la aprendeu que é super normal e moderno vivermos em uma sociedade gay.
        Já na questão de uma necessidade de amor e carinho que uma criança precisa e, o resgate desses pequeninos que vivem nas ruas geram uma discussão um pouco extensa para o ocasião, e peço ao leitor um pouco mais de paciência, pois quero escrever um artigo somente desse assunto.
        Gostaria de apontar um pedaço do comentário que diz o seguinte:

“ Sendo assim, a definição de "verdadeira família", em minha opinião, deveria ser entendida como um círculo de amor e compaixão diante da vida, e não como sendo um meio padrão cheio de regras, que defende a ideia de que um casal homossexual não pode dar uma vida digna á outro ser humano.”

      O negocio é o seguinte: família não foi algo que o homem criou, mas sim Deus. As regras e meios padrões foi o autor da vida que impôs a uma formação familiar. Ai eu pergunto: Quando eu crio algo, eu não tenho o direito de impor regras para aquilo que eu mesmo criei?
      A estrutura familiar foi imposta e criada por Deus, e por vontade dele a família se resume a dois sexos diferentes que podem trazer a unidade da vida. Dar uma vida digna a um ser humano é educa-lo na fé, nos conceitos básicos cuja estão de acordo com as leis sagradas, iluminadas pela luz da verdade e não da mentira, pois a mentira não vive na luz, mas sim nas trevas.
      Um casal homossexual pode até dar uma vida digna á outro ser humano, mas uma vida longe de Deus, ou seja, longe dos valores da fé, e sem Deus o homem não é nada, é somente um ser predestinado a sua própria condenação. Viver longe de Deus é como pular em um abismo e se matar, é o mesmo que se condenar, pois paradoxalmente Deus não condena ninguém, mas é o próprio homem que se condena.
Espero que tenha ficado claro, e ressalto mais uma vez: a tendência homossexual não é pecado, mas a vivencia da pratica e a união homo afetiva é pecado sim, e são inimigas da família sem duvida alguma.

“Deus não condena ninguém, mas é o próprio homem que se condena!”

     Espero ter respondido com clareza, muito obrigado:

Lucas de Almeida Moraes.
 Este vídeo tem enfase catolica, mas explica bem o tema. O grande padre Paulo Ricardo explica o homossexualismo e a ideologia gay. o vídeo faz autonomia ao papa, mas o foco é na explicação voltada no tema, espero que gostem! 




   

30 comentários:

  1. - Concordo plenamente, com o Texto, Devemos Amar o Homossexual, Porém abominar o Pecado praticado.

    As vezes com nossos olhos, acabamos julgando, e esquecemos de amar, só que a palavra da verdade nos ensina a AMAR!!

    A Família é constituída segundo a Lei de Deus, Como: - Homem & Mulher, e com isso Multiplicar. E nenhum momento é homem com homem ,mulher com Mulher! Deus é claro!
    Mais é aquilo temos o livre arbítrio, só que temos quer ter consciência que um dia prestaremos conta de tudo que praticarmos !
    Parabéns Lucas Que DEUS Continue a te Usar!

    ResponderExcluir
  2. Curtiii!! muitoo massa o texto! Parabeenss Lukaao , continuee assim !! :D

    ResponderExcluir
  3. O que é abominar o pecado? É criticar o fato da pessoa ser quem é? É enfiar uma lâmpada fluorescente na cabeça do homossexual, no meio da av. Paulista? Se é assim, então vamos abominar os malditos hipócritas que vão para a igreja todo dia, não faltam a uma missa e nem a nenhuma celebração qualquer, mas na hora de dar cobertura pra bandido, ele dá; na hora de colocar o dedo na ferida aberta do pecador arrependido, que está sofrendo a própria consequência, ele faz, mas ajudar a pessoa se erguer ninguém quer. Vamos abominar o pastor que berra a plenos pulmões que o fornicador é pecador, mas que tem uma filha carregando um filho bastardo. Vamos abominar a maldita sociedade que condena o bullying mas dita regras e padrões estéticos. Ainda que a homossexualidade esteja sendo vitimizada em novelas e se tornando moda, não condição sexual, acho que devemos rever os valores cunhados à palavra "pecado". Pecado é viver sua vida, sem incomodar ninguém, com seu parceiro do mesmo sexo? Viver em santidade é sair julgando a criação que o vizinho deu à própria filha ao deixá-la de porta trancada com o namorado, dentro de casa?

    ResponderExcluir
  4. PECADO É...viver fora de padrões que estão longe da santidade, ou melhor, de buscar a santidade. Talvez não incomode ninguem, mas nada escapa dos olhos de Deus!

    valeu lary!

    ResponderExcluir
  5. Como você mesmo disse, Lucas, "nada escapa dos olhos de Deus!", e devo dizer que nem o verdadeiro amor escapa!

    PESSOAS + AMOR = FAMILIA
    PESSOAS - HIPOCRISA = SOCIEDADE JUSTA

    ResponderExcluir
  6. voc qué um gatinho? assim voc tem 7 vidas pra cuidar P-O-H-A
    qual o problema? cacete a poha do livre arbítrio?
    Acho que cada um devia cuidar do próprio cú, porque oq vale mesmo é ser feliz

    ResponderExcluir
  7. PESSOAS DO SEXO DIFERENTE+ DEUS= FAMILIA... sem Deus ta tudo desregulado!

    ResponderExcluir
  8. Então né...o anonimo ai sem educação que vir aqui na sua hipocrisia sem conhecimento nenhum e quer chamar atenção!

    Se nuum ta satisfeito nuum entre mais aqui ora bolas!

    e ainda se mostrasse a sua opinião eu entenderia, mais não aceito que venha aqui e fale estas coisas.

    e é tão corajoso que nem coloca o nome!

    ResponderExcluir
  9. Eu acho que seu argumento se torna invalido a partir do momento que você aponta como Deus não ama o homossexualismo mas sim o homossexual,vendo que ambos são a praticamente a mesma coisa,pois o homossexual vive o homossexualismo(AH VÁ)sou ateu mas gosto dos seus textos,me fazem refletir mesmo não tendo possibilidade alguma em eu acreditar em contos de fadas.

    ResponderExcluir
  10. Agradeço sinceramente e de todo meu coração meu caro Vinicius, e espero que continue lendo os textos.
    Contudo tenho que lhe dizer que o homossexualismo não é a mesmo coisa que o homossexual.Dando um exemplo simples e rápido O homossexualismo é a ideologia, e o homossexual é aquele que segue esta ideologia, mas ele enquanto pessoa deve ser respeitado quanto gente, apesar que Deus que eu acredito e a igreja que é a sua criação respeita o livre arbítrio do homem, mas o avisa qual sera seu destino que é o espelho de seu pecado.

    Obrigado mais uma vez pelo seu comentário!

    ResponderExcluir
  11. Ok, vamos por partes:
    "O maior dom de uma família é a vida, e convenhamos que dois homens e duas mulheres não geram vidas."
    Na verdade geram sim, a não ser que sejam estéreos. Me digam se eu estiver errado nessa parte!
    "O negocio é o seguinte: família não foi algo que o homem criou, mas sim Deus."
    Pode provar isso? Só porque esta escrito em algum lugar não quer dizer que seja verdade, ainda mais um livro que foi manipulado.
    "A estrutura familiar foi imposta e criada por Deus, e por vontade dele a família se resume a dois sexos diferentes que podem trazer a unidade da vida. Dar uma vida digna a um ser humano é educa-lo na fé, nos conceitos básicos cuja estão de acordo com as leis sagradas, iluminadas pela luz da verdade e não da mentira, pois a mentira não vive na luz, mas sim nas trevas."
    Adorei esse paragrafo. Voltemos ao meu ponto anterior:
    Quem você acha que é para julgar o que é uma família e o que não é uma família? Podemos ter exemplo básico de pessoas criadas em famílias convencionais que viram estupradores, assassinos, assaltantes e nada disso é culpa do sexo de quem eles foram criados, ou podemos generalizar a igreja também? O jeito que foram criados, talvez algum erro genético, ou situações inimagináveis que você nem pode imaginar tornaram essa pessoa do jeito que ela é. Uma boa pessoa não depende da igreja ou religião que frequenta e sim dos ensinamentos dos pais e uma boa genética quem sabe.
    Agora a luz da verdade foi ótima... Tenho uma novidade para você. A simples omissão é uma mentira, ou seja, se você for parar para pensar sobre a mentira realmente, vai perceber que esse ato "feio" é o que segura a sociedade. Tente pesquisar um pouco sobre a mentira e você vai ver que é impossível viver em sociedade sem mentir. Além disso, a igreja não tem lá aquela luz da verdade.
    Já vou dizendo:
    NÃO TENHO NADA CONTRA DEUS E SIM CONTRA A RELIGIÃO.
    Pessoas achando que vão ser salvas por comprarem seu lugarzinho no céu com o dízimo e se esquecem de fazer a coisa certa. Isso me deixa puto, muito puto!
    Utilizando do artifício de que se fizer coisas erradas você vai pro inferno. As pessoas passam a fazer as coisas certas por medo e não por serem certas.
    Se existe um céu e inferno eu realmente duvido que quem entrar no céu vai ser quem pagou o dízimo pra igreja, quem acredita em Deus ou não, ou a sexualidade de cada um. Acredito que seja mais simples que isso, as ações do nosso dia-a-dia é que vai fazer diferença quando morrermos.
    (Me desculpem se houver alguma redundância ou erro de português.)

    ResponderExcluir
  12. Vamos em partes, primeiramente ja gostaria de dizer que as palavras que irei usar não passarão de besteira para quem não cre, pois foi isso o que aconteceu aqui, pois quem tem fé e estuda "o livro manipulado" concordaria em muitos aspectos com o texto que escrevi.
    Bom,quando eu disse que 2 homens e 2 mulheres não geram vidas eu mostrei que ambos os sexos separados, ou seja, homem com homem não gera nada! Lembro a vocês noções básicas de biologia: Penis quando penetra em uma vagina é o começo de um ciclo que chegara uma vida.
    Muito bem, nós CRISTÃOS acreditamos no que foi chamado de livro manipulado, e la esta escrito de forma muito explicita que a família foi criada por Deus, ai já entra o papel da fé! Quem não acredita na bíblia isso é uma baboseira sem fim, mas para nós que acreditamos é uma verdade! Se formos discutir isso ficaremos eternamente debatendo.

    Quem você acha que é para julgar o que é uma família e o que não é uma família?

    Responderei essa pergunta na maior calma do mundo. Eu posso responder essa pergunta com autoridade, porque eu não acho, eu tenho certeza de que família é uma criação de Deus, e ele a criou debaixo de uma estrutura cuja o pilar é o homem e a mulher. Eu tenho autoridade porque a minha fé permite que eu diga o que Deus transmitiu ao homem, e eu creio que esta seja a verdade!


    Podemos ter exemplo básico de pessoas criadas em famílias convencionais que viram estupradores, assassinos, assaltantes e nada disso é culpa do sexo de quem eles foram criados, ou podemos generalizar a igreja também?

    Meu amigo, peço que leia bem o texto. Eu não preguei o determinismo aqui. Realmente e infelizmente a esses casos mesmo, não nego este ponto, mas isso não é culpa da família, mas sim culpa do mundo entregue ao mal em que vivemos, onde se tapa os olhos dos nossos jovens que viram seres manipulados pelas coisas que o mundo julga como boas, como as drogas, alcoolismo e todo tipo de sugera.

    Uma boa pessoa não depende da igreja ou religião que frequenta e sim dos ensinamentos dos pais e uma boa genética quem sabe.

    Realmente, uma boa pessoa não depende da igreja ou religião para ser uma boa pessoa, tanto é que tenho vários amigos que não tem fé. O que torna uma pessoa boa dentro da igreja é ela seguir os princípios do evangelho, como a paz, paciência, dialogo e assim por diante. Aqui agora eu, Lucas de Almeida Moraes, estou colocando em pratica os valores nos quais recebi da igreja cuja tem inspiração no evangelho, pois se não fosse estes valores eu ja estaria agindo de forma violenta, me dirigindo ao seu comentário de forma grotesca, mas eu levo como um seguimento as palavras de Cristo: Amai-vos uns aos outros como eu vos amei!

    Infelizmente meu caro, o que você sitou é uma verdade, e é o que eu coloco na maioria dos meus textos! A SOCIEDADE ESTA VIVENDO SOBRE A MENTIRA! Veja só, você que não cre observa um fato que preocupa o Cristão comprometido! A sociedade nos impõe a mentira, ou seja, ela nos impõe o próprio inferno! Pois é la que se encontra o pai da mentira!

    A igreja não é dona da luz da verdade, mas faz com que nós encontremos a luz por intermédio dela que nos aproxima de Deus, que ai sim é dono da luz da verdade! Basta crer que ele é o senhor da verdade! Basta ter fé!

    NÃO TENHO NADA CONTRA DEUS E SIM CONTRA A RELIGIÃO.

    Eu peço que você leia um texto meu que se chama: Porque existe o ateísmo.

    Obrigado pelo comentário! E QUE DEUS TE ABENÇOE!

    ResponderExcluir
  13. Verdade LuH,...A palavra de Deus nos diz:Deus abomina o pecado,mas ama o pecador..

    ResponderExcluir
  14. Desde já peço desculpas por não acreditar em um cara gordo descendo da chaminé e entregando presentes pra crianças.
    "Aqui agora eu, Lucas de Almeida Moraes, estou colocando em pratica os valores nos quais recebi da igreja cuja tem inspiração no evangelho, pois se não fosse estes valores eu ja estaria agindo de forma violenta, me dirigindo ao seu comentário de forma grotesca, mas eu levo como um seguimento as palavras de Cristo: Amai-vos uns aos outros como eu vos amei!"
    De forma nenhuma os comentários foram grotesco e de jeito maneira foi um ataque direto. O comentário foi feito da mesma forma como foi proposto no texto inicial contra a homossexualidade, que deve ser respeitada e não ser tradada como um pecado. Quanto a crianças adotadas por casais homossexuais, é melhor elas receberem o carinho desse casal(sou totalmente a favor da união de todos os tipos de pessoas), do que crescerem roubando a minha carteira e a sua também.
    Quanto ao que você esta colocando em prática no seu dia-a-dia não é exatamente exclusivo da igreja e do evangelho, e sim o conhecimento acumulado pela humanidade com o passar dos anos. Não sei você, mas acho que as pessoas conseguem chegar nesse consenso por suas próprias cabeças.
    "A SOCIEDADE ESTA VIVENDO SOBRE A MENTIRA!"
    Quando a sociedade é guiada por um caminho cego que nem um cavalo por tanto tempo, lutando guerras por perdões de pecados nem ainda cometidos é isso que acontece, vivem uma mentira.

    ResponderExcluir
  15. Peço desculpas se te ofendi caro amigo!

    Bom primeiramente aos olhos da fé o homossexualismo é um pecado sim. A grande ponto é separar a pessoa do ato, é o ato que é errado! O homossexualismo é uma depravação e é isso que a biblia como manual da fé nos ensina. A biblia tambem nos ensina que as portas da casa do Pai devem estar abertas para todos, inclusive os homossexuais, pois eles tambem devem serem vistos como progeto da criação de Deus, seres que merecem o perdão como todos os outros.

    De fato o maior problema não é a criação das crianças por pessoas nessas condiçoes, mas o problema é o ensino proposto a estas crianças que são o nosso amanha. Não estou dizendo que acontece um determinismo, mas quero dizer que esta criança que cresce debaixo de um teto homossexual ira encarar este ato como uma coisa super e mega normal. Isso realmente é um problema para a continuidade da ética da fé.

    Sim, realmente, encontramos os valores pelo passar do tempo e o avanço da humanidade. Mas eu pergunto: Quem foi que ajudou a humanidade a chegar nesses valores? A resposta é: o cristianismo! Lembro a você que nos vivemos em um pais que foi parido pela cristandade!

    ResponderExcluir
  16. "Lembro a você que nos vivemos em um pais que foi parido pela cristandade!"
    E nem por isso ele é bom, lembramos que vivemos em um país onde mendigos morrem de frio e fome todos os dias, onde pessoas são assassinadas, assaltadas. Claro que não é somente no nosso país, mãs... o nosso país ta uma merda, mas claro que tem lugares piores. Além disso, originalmente esse país não era guiado pelo cristianismo antes da chegada dos brancos aqui na América e também temos que lembrar como foi imposta a religião aos indígenas. Além disso, segundo o cristianismo esses indígenas exterminados foram direto pro inferno por não acreditarem no seu Deus.
    "Bom primeiramente aos olhos da fé o homossexualismo é um pecado sim."
    Temos que lembrar que a fé não tem esse significado religioso, e temos o famoso pai dos burros (sem ofensa) para provar isso:
    http://www.dicio.com.br/fe/
    Levando isso em conta percebemos que cada humano tem a sua fé, em um mundo justo, na humanidade, em seus próprios atos. Ainda levando isso em conta, a fé da igreja não é absoluta, se dissesse a de Deus quem sabe(e quem sabe), logo não se pode dizer que homossexualismo é um pecado porque se você disser que a igreja fala por Deus, logo estará falando que Deus é responsável por muitas guerras, como todas as cruzadas que causaram muitas mortes. Não me venha que a igreja admitiu que ela reconheceu que estava errada naquela época porque eu já tenho uma resposta: O que acontecerá se ela errar novamente? Uma terceira guerra mundial?
    "Peço desculpas se te ofendi caro amigo!"
    De jeito maneira fui ofendido, como disse antes, isso é somente uma troca de opiniões saudável.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  17. Muito bom seu texto Lucas!
    Concordo plenamente com você, quando diz que o homossexualismo é pecado. E sim, por mais que digam que a bíblia foi feita por homens e que foi manipulada como disseram acima, tenho certeza que o que está dentro dela foi inspiração de Deus aos escritores e nela está escrito que Deus abomina o pecado, e a sociedade em que vivemos nos influencia a aceitar o pecado dos outros, ou seja , o homossexualismo. Cada um cuidar da sua vida acredito que é uma coisa. Alertar sobre as coisas contrárias à palavra de Deus é outra.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  18. Comentário random:
    Precisa configurar o horário corretamente do seu blog.

    ResponderExcluir
  19. Realmente, nem por isso ele é bom, porque o nosso pais veio esquecendo tudo aquilo que foi ensinado a ele. O que era antimoral como o proprio homossexualismo a alguns anos atraz hoje é totalmente moral..isso diz a sociedade atual. De fato a conclusão que se pode tirar é que Deus não muda com o tempo, mas sim o homem. Não é que o homem deve ainda usar túnicas e voltar a uma vivencia arcaica, mas sim colocar em pratica simples ensinamentos da moral teológica que a nossa nação e o nosso mundo vem perdendo cada dia que passa, se entregando a um humanismo excessivo esquecendo as suas origens teocêntricas.

    Realmente quando o cristianismo chegou aqui ja existia uma religião mor, mas os jesuitas colocaram em pratica o que o evangelho os pediu, evangelizou as tribos! Lembro também um fato histórico que muitos não reconhecem: Quando os portugueses começaram a escravizar os índios os jessuitas rapidamente foram contra esta pratica e denunciaram a sua santidade o papa que naquele tempo era Julio III, que rapidamente mandou parar a escravização dos índios. Os índios nunca foram perseguidos, e também é um fato histórico que os índios que morreram antes de receberem a fé cristã ganharam a salvação da alma por inocência, assim como todos os seres que morrem sem conhecer a fé cristã.

    Quando se fala fé aqui eu quero dizer acreditar!

    A igreja fala por Deus sim, como nós cristãos acreditamos que a igreja é instrumento e criação de Deus, nós cremos que ela é sim de certa forma uma porta voz. Mas é claro que não se pode esquecer de seus inúmeros erros ao decorrer da historia humana. Mas ai é que esta o ponto HUMANA. Ao mesmo tempo que a igreja porta a sua santidade ela também porta a sua fraqueza porque é dirigida por humanas.
    Você lembrou o fato histórico das cruzadas quando o catolicismo dominava o cristianismo como uma só igreja, o papa Urbano II foi quem convocou a igreja para as cruzadas que duraram de 1096 a 1270, e realmente foi um erro, mas um erro humano. Nós cremos que a igreja não é somente e absolutamente a instituição visível cuja nós vemos nos padres, pastores, papas e etc... Mas a igreja necessariamente é Jesus Cristo! Ele sim é o modelo de perfeição, e por esse modelo de perfeição é que veio ser criada esta igreja visível que nós temos, porque foi o próprio Cristo quem a criou.

    Abraço pra você também

    ResponderExcluir
  20. Vou dizer um fato que achei que você chegaria a conclusão sozinho dessa vez(sem ofensa).
    O indígenas foram exterminados pela maldade humana antes não existente nas terras da América(Não nesse nível). Claro que os indígenas não eram totalmente bons e tinham as suas sinas como todos os mortais.
    Tá, realmente não entendi isso:
    Se a igreja atua como o porta voz de Deus e a igreja comete erros, porque elevar a igreja a nível de Jesus?
    Digo, se é o modelo de perfeição e a igreja erra, como é possível a igreja ser Cristo?

    ResponderExcluir
  21. Bom, porque elevar a igreja ao nível de Jesus?

    Nós crentes em Deus acreditamos que Jesus age pela igreja humana. Na verdade eu poderia lhe dizer que existem dois modos de ver a igreja: invisível e visível. A visível é aquela que é a instituição cuja a que nos cria na devida fé e é montada pelos homens. A igreja invisível é a igreja infalível, ou seja, a igreja que nunca errou, erra, ou errara, ou seja, um modelo de perfeição. Esse modelo de perfeição é muito explicito diante de nós: Jesus Cristo! Ele é a igreja, mas não esta igreja humana, mas sim uma igreja que ensinou aos homens a paz e a caridade de modo perfeito, sem passar por cima dos outros!

    Espero que tenha compreendido!

    ResponderExcluir
  22. Entendo, mas não compreendo.
    Ai entramos novamente em um ponto que não pode ser comprovado. Ficamos somente na esperança de que a igreja não cause a terceira guerra mundial. KKKKKK

    ResponderExcluir
  23. Voce realmente acredita que a igreja causara a terceira guerra mundial?

    Meu amigo, a religião hoje tem força sim, mas o Cristianismo não! Se for para uma religião causar esta guerra eu DUVIDO que seja pela cristandade! Veja só, não existe mais um pais teocêntrico cristão, (só o Vaticano, mas nuum queria mais nada né) não existe mais hegemonia cristã... Veja, a maioria dos estados teocêntricos são países ocidentais! Ai eu pergunto: sera mesmo que a igreja causara a terceira guerra?

    ResponderExcluir
  24. corrigindo....são países orientais...desculpe!

    ResponderExcluir
  25. Vocês religiosos tem um sério problema pra entender piadas e sarcasmo não? kkkkkk

    ResponderExcluir
  26. É porque quando a religião revida com sarcasmo ela sempre é mau julgada!

    ResponderExcluir
  27. Vocês usam sarcasmo pra pessoas erradas. kkkk
    Agora chega, vida longa e próspera =P

    ResponderExcluir